sábado, julho 21, 2007

Férias

Reunimos esta tarde com a futura educadora do JP. Explicou-nos algumas das rotinas do próximo ano. Gostei principalmente do facto de ela ter a iniciativa de dizer que ele não terá privilégios "especiais"...e francamente, isso é o que desejamos. Nunca será bom para ele, recorrer à condição de diferente para obter o quer que seja.
p
E agora chegaram aqueles dias do ano que tanto ansiei...as férias. Como estou disposta a simplificar...a desfrutar...a saborear cada minuto ao lado das minhas duas paixões.
p
Vamos "apanhar a onda", remexer na areia...nadar, passear, almoçar e jantar à beira-mar e principalmente brincar muito ! Há coisa melhor que ir de férias com a família ?

Até à volta !

quarta-feira, julho 18, 2007

Novidades Diversas

O JP está óptimo. Anda sempre bem-disposto, embora que mantenha a sua personalidade teimosa. Mas leva-se muito bem, com um pouco de conversa e explicações.
p

Na Natação foi "forçado a nadar"...atirado à água, ele nadou ! Fiquei muito feliz.

p
Já equacionávamos terminar com a estimulação cognitiva. Mas a vontade não era grande, pois ele adora aquela horinha quinzenal super-divertida. Mas o balanço de final de ano foi muito positivo. Ele aprende depressa e tem óptima memória. Continuaremos com as brincadeiras próprias para a idade, jogos de associação, estimulá-lo a nomear os objectos, continuar a aumentar o vocabulário. Sem necessidade de terapeuta.

jp

A sua recente independência agrada-me. Mostra-se mais crescido. Entretem-se agora muito bem sozinho e também no meio dos outros meninos.

p

Estamos na fase das regras firmes. Tem mesmo de ser. Para que ele cresça equilibrado e menos egocêntrico.

Quando faz uma birra, nós dizemos-lhe para se portar melhor, pois já não é bebé. É já um menino crescido. E não é que resulta ?!

p
Apesar de por norma ser simpático, parece-me que não sabe mostrar os seus sentimentos às pessoas que ele mais gosta.


E assim estamos a 2 dias do começo das férias...devíamos estar em desaceleração...mas ainda não foi possível ! De qualquer forma estamos mesmo a precisar de umas férias descontraídas.

domingo, julho 15, 2007

E esta, hein ?

O JP não só fica contente de voltar a dormir na avó, como grita efusivamente de alegria quando dizemos "Adeus" e fechamos a porta...Eu fico feliz e aliviada pela sua independência, mas não era preciso tanto.
pp
pp
Adenda às 16 h: Esta manhã também ficou contente de ir para a escola. Ria ao invés do choraminguice habitual. Estaremos a passar uma fase precoce de "fartote dos papás" ? Bem...que fique feliz então...Mas está com um grande azar. Com as férias à porta ainda se irá fartar mais de nós. lol.


Grande malandreco, me saíste, JP !

sexta-feira, julho 13, 2007

13 de Julho...dia os papás

Foi há 16 anos...inicio dos anos 90, numa discoteca na Costa da Caparica. Um vodka-laranja partilhado. Dois pares de ténis All Star vermelhos em comum. O gosto pela música "Losing my religion" dos REM...parecíamos feitos um para o outro!
Olhares tímidos...beijos incendiados e desejados.

Nunca mais a nossa vida foi a mesma. A paixão uniu-nos.


E amor é, 16 anos depois, o nosso marido ainda "nos galar" o decote !

É tempo de celebrar e recordar...
E porque o fruto do nosso amor, o JP, está cada dia mais lindo, reguila e absorvente... vai dormir na vovó.

segunda-feira, julho 09, 2007

Ânsias de mãe

Mais um verão chega e vejo que não será ainda neste que vais "apanhar as ondas" pelo teu próprio pé. Nem sei se algum dia o farás. Mas mantenho a esperança que sim.

Mesmo sem fazeres o que todos os meninos fazem, sei que és terrivelmente feliz. Porque sabes muito bem que tens um pai e uma mãe muito felizes e orgulhosos de ti, tens uma família que te adora e tens sempre muita atenção e miminhos. E tristes são os meninos que não têm amor. Mas isso, meu querido...tens ao ponto de saber que trocaria sem hesitar a minha vida pela tua, o meu bem-estar pelo teu...

A ansiedade ainda mora no meu coração, nuns dias mais que noutros. Tenho agora necessidade de ouvir as tuas perguntas, tenho necessidade de penetrar mais no teu coração...mas sei que não tardará esse dia.

Amo-te meu filho, hoje mais do que ontem e muito menos do que amanhã.

segunda-feira, julho 02, 2007

31 meses e tanto para dizer...

Estamos numa fase cheia de novidades...de balanços de final do ano e da nova programação do ano que entrará.
Numa fase corte de cordão umbilical, novos interesses do JP, alterações de rotinas e introdução gradual de uma forma de estar na vida, mais à menino....menos à bebé ! Porque ele já é um menino crescido: Alto (impossível achar que tem pouco mais de 2 anos e meio), malandro, espertalhão.

O seu vocabulário é extensíssimo.... e agora cada vez mais consciente que consegue verbalizar, fá-lo cada vez mais de forma entendível...é uma delícia para os meus ouvidos.

Adorámos ver as reportagens dadas na SIC durante esta semana. Bom jornalismo, como já nos habituámos a ver. Queremos aqui dar os parabéns ao bom jornalismo, à sensibilização da nossa sociedade que todos podemos ter um lugar ao sol, basta haver muita força de vontade e trabalho. Há sempre quem o faça com metade do trabalho, mas eu já estou habituada a não conseguir nada de mão beijada. Só preciso transmitir essa minha sabedoria ao meu JP. Obrigado ao Doutorado Paulo e ao Notável Manuel por se terem dado a conhecer. Adorei.

Estamos também em contagem decrescente para as tão esperadas férias, que serão desfrutadas em clima de grande descontracção, amor e brincadeira, junto dos muitos priminhos um pouquinho mais velhos que ele...que o adoram e que ele venera. E tentarei nestas semanas deixar tudo ok, para ter umas férias muito descansadas. Ao fim de 31 meses, reajustam-se alguns pormenores, encaramos o futuro de uma forma muito risonha e optimista...apesar de o balanço não ser de nota 20 a tudo, estamos confiantes que no próximo ano lectivo irá ser muito mais fantástico.