sexta-feira, dezembro 28, 2012

JP doente

Este Natal foi um bocado parecido com o meu aniversário. 
De uma maneira ou de outra parece que todos estivemos doentes. O Rafael a dar algumas más noites (coisa pouco habitual) por nariz entupido e/ou dentes. O pai indisposto, eu com um cansaço estranho e má disposição mas o pior foi mesmo o JP estar de rastos e com febre. 
Fomos ontem ver o que se passava e eis que descobrimos uma maldita infecção respiratória.  Já está a antibiótico.
Senti que não estava a conseguir tossir com a força de outras vezes. 
Fiquei mesmo preocupada.

Como o tempo passa depressa...

O aniversário do JP correu como seria de esperar. Cheio de amigos e carinho. 
Os amigos da escolinha estiveram em força assim como a amiga especial. Creio ter sido um dia terrivelmente feliz para ele. 
Nos dias seguintes recebeu uma chamada super-especial via-skype do seu grande amigo, Principezinho. No ATL também soprou as velinhas. 

Depois vieram os testes. Correu tudo bem. Talvez já não esteja tão forte na matemática, mas continua a ser a sua disciplina preferida e faz contas a toda a hora. Brinca de fazer contas de cabeça e por isso não me preocupo. Confio que conseguirá. E estou sempre atenta. As notas estiveram entre o Satisfaz + e os Excelentes.
A única coisa que me deixa menos contente é saber que o estado de espirito continua a influenciar o ritmo de trabalho. E o último mês esteve menos motivado. 
Não sei se estará relacionado com o facto de eu ter retomado o trabalho. Talvez só haja que dar tempo ao tempo para concluir. As mudanças nunca foram boas para ele.

O nosso pequenino Rafael, parece um mini-homem. Está cada dia mais sorridente e brincalhão. Uma verdadeira delícia. Um amor que cresce cada dia.
Depois de 10 meses com a mamã, esta nova realidade não foi muito fácil. Ao ponto de, à noite, me perseguir pela casa toda com medo que me fosse embora !!! 

Também eu tive de fazer muitas escolhas relativamente a ele. Mas na verdade a escolha era só uma. 
Aquela que a situação financeira actual me permite. 
Custa-me muito pensar que poderia e deveria estar a dar o melhor também ao Rafael (como dei ao JP). Mas que o mundo não é justo, eu já sabia. 
E tempos houve que desejei que os meus problemas fossem apenas deste teor. 
Por isso, há que ter optimismo e trabalhar para voltar e ter uma situação melhor mas não desanimar.

sábado, dezembro 01, 2012

8 anos

O meu amorzinho maior fez 8 anos neste 1 de Dezembro. Está tão crescido. Estou tão orgulhosa dele.

Teve a sua festa e quando tiver algum tempo vimos aqui contar. Obrigado a todos que se lembraram, ligaram ou deram um miminho especial. São inesquecíveis.