segunda-feira, dezembro 29, 2008

Obrigado

Por motivos de segurança e privacidade, tentei sempre não divulgar o nome do colégio do JP.

Mas hoje tenho de cometer uma excepção.
Tenho de agradecer à Direcção do colégio, em particular à Isabel Jerónimo, à mãe Ana do BES que sugeriu as rifas, a todas as educadoras , funcionárias e pais empenhadissímos na venda das rifas e que tornaram o sonho de ir com o JP a Cuba uma realidade.

Digo-o com lágrimas nos olhos.
Tenho ainda de agradecer a todos os que por aqui passaram, aos meus amigos e outros que colaboraram de outras formas também.

Sozinhos podemos querer ter muita força, mas juntos temos muita mais. E foi muito bom estar empenhada neste projecto convoosco. E tenho consciência do trabalho que deu....
A nossa luta ainda não terminou.
Lutamos ainda por estar o máximo tempo possível em Cuba .
Mas estamos muito felizes por saber que já podemos ir e estar mais perto do nosso sonho.
Se não há dúvida que o azar bateu à nossa porta ...por outro lado quem me conhece sabe que prefiro pensar na sorte que temos em ter tanta gente a apoiar e conhecer gente boa. E temos sorte sim.
O JP será um menino sempre diferente, mas o melhor que soubemos criar e estimular.
E se ele já tem coisas simplesmente maravilhosas !!!

E agora só falta saber quem ganhou o cabaz de Natal !!! Boa Sorte. A lotaria está quase a rodar...

sexta-feira, dezembro 26, 2008

O nosso Natal

Mais uma vez uma noite deliciosa em família. As crianças andavam doidas, olhando o tempo todo para os presentes debaixo da árvore decorada.
Sabiam que o Pai Natal apareceria depois do jantar para lhes perguntar se se tinham portado bem durante o ano e dar a sua autorização para abrir as prendas. Percebi que para eles o jantar pareceu interminável.
O Pai Natal apareceu (como sempre) justamente quando o meu irmão foi buscar o vinho à arrecadação.

A fantasia torna estas noites mais especiais e mágicas. O JP era o único ainda crente neste Sr barbudo.

Os primos que inicialmente tentaram fazer cair o mito, tudo fizeram depois para tornar esta fantasia bem real para o JP.
E assim que o Pai Natal deu autorização para se abrir as prendas...o JP deu um salto e puxou-me para a beira delas...ansioso para as abrir, provocando a gargalhada geral.

Abriu, trocámos presentes entre família e passámos uma noite fantástica.

No dia seguinte tivemos muito do SingStar ABBA...e foi tudo a cantar, desde os 5 aos 75 anos !!!


E com dias assim...como se pode dizer que não se gosta do Natal ????

terça-feira, dezembro 23, 2008

A consulta do Desenvolvimento dos 4 Anos

Mais uma consulta de Desenvolvimento - 4 anos.

Ele estava ansioso por entrar na consulta e bem disposto.
Teve sorte. Quase não esperamos.
Nestes dias poucos são os médicos que dão consulta e São Francisco Xavier estava às moscas.
Mais uma vez muita conversa entre a Dra Isabel Paz e o JP para observar o seu nível de entendimento.
As actividades foram despachadas rapidamente e de seguida a Dra utilizou a tabela de comunicação para falar sobre assuntos mais específicos com o JP.

Mostrou alguma surpresa pelo seu nível de comunicação e também de entendimento sobre o assuntos relacionados com a sua condição.

O JP sabe que é diferente. Entende bem e mostra grande vontade de lutar.
Mais uma vez o JP se agarrou ao Batatoon...beijinhos e abraços...meiguinho e ternurento com o seu palhaço preferido. Desta vez aceitou bem o facto de o ter de deixar no consultório (Anda mesmo a portar-se bem melhor...ufa !!!)
Conversámos sobre o que esperar sobre o desenvolvimento motor. Sobre a possibilidade de evolução.

A resposta ainda vaga: Há tantos e tantos casos diferentes. Teremos de lhe dar toda a possibilidade de desenvolvimento. Tem muito a ajudá-lo. Entendimento, vontade e oportunidades.

Claro que sim...Assim tem sido...assim será.

sábado, dezembro 20, 2008

A festa de Natal na Piscina

Sábado, acordámos cheios de preguiça.
Depois de mais uma semana tão frenética apetecia-me fazer gazeta à hidroterapia.

Mas o JP tinha ouvido que ia haver uma mini-festa na piscina e não me deixou "baldar". Assim foi. Lá fomos.
Ainda estávamos no balneário quando chegou esta mamã com o seu delicioso Afonsinho. Trazia um coração de bombons na mão e conquistou logo o sorriso do JP.
Ainda não nos conhecíamos pessoalmente, mas creio que já nos conhecíamos alguma coisa de tanto nos ler uma à outra.
A D. trazia balões. O JP adora balões.
Na piscina estavam também os nossos amigos Catarina e Tiago. Mais tarde bebemos um cafézinho com a família do Afonsinho, dois dedos de conversa...que sempre sabem a pouco.
Este Sábado foi um belo início desta época de festas.

sexta-feira, dezembro 19, 2008

O que o JP anda a dizer na comunicação aumentativa

Quando a educadora na comunicação aumentativa começa a puxar pelo meu menino, ele conta a nossa vida toda.
Nada que o comum dos pais não esteja habituado, mas é uma novidade para mim.
Eis o que o rapaz contou ontem:
- A mamã que não se preocupe de ir ao circo. Prefiro ir ao Jardim Zoológico.
(A sério, filho? Brrrrr, que frio!)
- Gosto de passear no centro comercial.
(a mamã sabe que gostas é daqueles carrinho do centro comercial)
- No Centro Comercial gosto quando a mamã vai às lojas de brinquedos.
(pois, pois, vais sempre na esperança que seja alguma coisa para ti, ehehe)
- Sempre que vou ao Centro Comercial como pizza.
(Bem, aqui está uma grande verdade...)
- O meu pai é quem me leva ao parque infantil.
(É, sim senhor)
- Gosto muito do meu avô, mas já não o vejo há muito tempo.
(Pois, é verdade sim)
- Ontem fui à Aldeia de Natal, mas não entrei na casa do Pai Natal.
(Coincide com o que contaram)
- Adoro comer pão.
(eu sei)
No fim, saiu com o seu amigo Joãozinho e vi o meu filho estender a sua mãozinha e agarrar de forma ternurenta a do Principezinho...
Fiquei derretida, os dois lado a lado, de mão dada.
E assim, vai o JP comunicando e fazendo belas amizades.

terça-feira, dezembro 16, 2008

O TT- Todos por Ti- Parte 2

Pois quem diria que a avó do JP que enjoa em cada circuito citadino ia adorar aqueles piões ?
"- Está enjoada? Podemos parar já !"
"-Não, não, estou a gostar muito"-dizia a vovó soltando também uma gargalhada.
E o Rui fazia mais um peão apertadinho.

Chegou a horinha da sesta do JP. Tivemos de abandonar o local sob protesto do rapazinho.
Quem ficou para fazer o passeio TT foi o papá-grilinho.

Roidinha de inveja, coube-me a ingrata tarefa de fazer o JP dormir e voltei só na hora da prova e entrega da garrafa da Adega de Pegões. Bons vinhos. Um agradecimento para eles também.
Seguiu-se o lanche. O passeio abriu o apetite . Entre conversas e dentadas nas iguarias, fomos nos conhecendo melhor.
O local : Restaurante Cepa 200o, para os lados do Poceirão.
Um restaurante e barzinho com um ar rústico bem giro, ideal para fazer jantares com amigos e ficar a jogar uns matraquilhos ou snooker enquanto se bebe umas bejecas.
O lanche foi oferta deste local e nem estava a acreditar na onda de solidariedade, iniciada pela querida - e que contagiou toda a gente.
Seguiu-se o tal leilão de artigos de comunicações do TT, doados pelo Luís Almeida e que foram re-leiloados.
Max, o fotógrafo que veio do Algarve, salvou-me.
Foi quem dirigiu o leilão...e eu diria que há ali verdadeiro talento para a coisa.
Depois as inevitáveis despedidas. Cada abraço e aperto de mão estava carregado de emoção.
Fiquei a desejar secretamente reencontrar toda a gente.

Um beijo para todos os que ajudaram e participaram.

Um beijinho especial para: Ana, Rui Marques, Rui Simão e Alvaro.

Foram vocês que tornaram este passeio realidade, ajudaram a aproximar o JP de Cuba e nos proporcionaram esta experiência cheia de emoções e ensinamentos.


"Pedras no Caminho? Guardo todas, um dia vou construir um castelo"


domingo, dezembro 14, 2008

O TT - Todos por Ti - Parte 1

Foi uma tarde inesquecível na vida desta família.
Um almoço, uma menina de 3 anos meiguinha, festinhas e o inicio de uma amizade entre o JP e a "-".

"- Mamã, o menino tem doi-doi ?" -perguntava a menina à sua simpática mãe.
E deu o seu elefante de peluche azul ao JP, que o abraçou de imediato e acarinhou. O tempo voou e já era 1 da tarde. Rumámos para a antiga fábrica do alumínio. Num instante o local encheu-se de gente aventureira e solidária. De todas as idades e de enorme coração.

T-shirts, apresentações e muitas palavras de encorajamento.

Deixei de ver o JP. Não estava com o Pai nem com a Avó. Onde vai um menino que não anda ?
Estava afinal no Jipe de uma professora de ensino especial que conheceu naquela hora e já não queria sair de perto dela.

A Câmara de Alcochete fez-se representar. Palavras doces e de grande apoio. Nunca imaginámos algo assim. Todos os olhos convergiram no JP, que ia tomando atenção ao que se falava sobre ele, sobre as nossas aspirações e sobre os desejos sinceros destes nossos novos amigos. Palavras carregadas de genuína emoção.

"-Temos muitos amigos, filho. E querem tanto o teu bem..."

O Joaquim que veio do Crato para fazer filmagens...o Max que veio para fotografar !!! Rui Simão, Adega de Pegões e o Restaurante Cepa 2000. Rui e Ana- grandes amigos. Foi esta a gente que se juntou, organizou, ajudou. Empenharam-se. O Luis Almeida que doou os artigos leiloados. Gente genuínamente boa. Gente que quero voltar a encontrar. A felicidade do JP estava estampada na sua carinha de menino.
O barulho dos motores foi enchendo o local de adrenalina. O JP custava a manter-se tranquilo. Queria ir dentro de um...e foi. Fomos todos. Incluindo a avó.

Difícil traduzir em palavras todas as sensações vivenciadas dentro de um veículo todo o terreno. Eu que temia a chuva, percebi a razão porque me diziam que isso não tinha fundamento. LAMA !!! É bom...O Rui fazia piões mais escorregadios ao volante do Defender...e a Ana dizia:
" Devagarinho, devagarinho...vê lá...olha o menino....o menino !!!" (e o menino a delirar).

Não há como sair imune depois de tudo o que foi vivido. Talvez tivesse há muito um bichinho destes dentro de mim, mas não fui a única. O JP dava gargalhadas e mostrava uma genuína excitação. O Papá do JP e até a Avó vivenciaram momentos de grande emoção e divertimento...
(Continua)

sexta-feira, dezembro 12, 2008

Festa na Escolinha

Uma semana a correr. Mas não podia ter acabado melhor.

Festa de Natal na escolinha. Tinha deixado o JP de sobreaviso que os papás poderiam não conseguir chegar a tempo.

Mas conseguimos. Quando entrou na sala com o grupinho da sua sala, vi os seus olhinhos procurando, mas sem grande brilho. Quando viu os papás, o sorriso rasgou a sua cara toda e ficou muito feliz.

O Pai Natal apareceu. Ofereceu uma prenda da escola e acho que o JP nem se lembrou que ainda no outro dia teve medo de um assim como este.

Tivemos de seguida consulta no dentista. Chegámos envergonhados pois o JP tinha comido todo género de chocolates na festa e notava-se. O JP portou-se bem. Parecia realmente um crescido, até morder (acredito que sem intenção) no médico. Mas nunca chorou, nem mostrou medo. Ficamos de voltar em breve.

Em casa, relembrando a tarde na escolinha e preparando as coisas para o TT de amanhã, sinto que o meu menino tem muita sorte em ter tanta gente a acarinhá-lo. O apoio que temos sentido nos últimos tempos dá-nos muita energia e alento.

Sozinhos nunca temos a mesma força nem o mesmo poder.

Continuamos a vender rifas.

Quem quer, quem quer ?

Respondo já de seguida a quem já pediu...

quarta-feira, dezembro 10, 2008

Rifas- Quem quer ?????



Vendi uma rifa pela NET !!! Iupiii !!!! Acreditam ?
Obrigado !!!
Os cabazes de Natal foram feitos com grande carinho, sai pela lotaria do dia 29 Dezembro.
Cada Rifa custa 2 Euros.


Peçam para Mae_grilinha@yahoo.com.br. Não se acanhem. Toca a despachar as rifas.


O JP e os papás agradecem !!!!

terça-feira, dezembro 09, 2008

Registo dos 4 aninhos

Dos posts que mais gosto de rever são os que faço registos e depois verificar as mudanças que vão ocorrendo. Ora aqui vai o registo dos 4 aninhos.

1- Está fã de comunicar. O melhor que posso fazer é num fim do dia pegar na tabela e falar sobre os amiguinhos, coleguinhas, o que fez, o que gosta muito de fazer e o que vem aí. Tudo através de símbolos e vocalizações dele. Aprende os símbolos muito rápido. Fixa bem. Esforça-se por imitar e falar. Ainda muito, muito mau, mas cada vez mais parecido com a intenção.

2- Para o entreter no Standing brinco a jogos de memória e de associações. Começo a ficar preocupada. Ou ele tem uma grande memória, ou eu ando a ficar "queimadinha". Admito que as duas ! Tenho dificuldade em lembrar-me do que está escondido. Ele nomeia tudo e lembra-se lindamente onde está escondido.

3- Mais rapazolas do que nunca. É camiões, carros, Jeeps...tudo faz as delícias dele.

4- Partilhar é que está difícil. Está numa fase mázinha, mesmo.

5- Tem maior paciência.
Consegue finalmente esperar com mais calma (mas nem sempre), mas tem tendências verdadeiramente egocêntricas (quer ser o centro das conversas entre a mãe e terceiros).
Por outro lado noto uma grande vontade de nos contrariar em muitas coisas...

6- A brincar faz muitos exercicios de "fisioterapia". Fica em 4 pontos bastante tempo, desde que esteja a brincar com um carrinho. Eu aproveito-me da sua "distracção" e obrigo-o a "trabalhar" brincando...

7- É muito meiguinho. Adora o seu cãozinho de peluche e mima-o muito. Dá beijinhos, dá festinhas, quer a sua companhia. Imagino se fosse real...

8- Continua com "aquele" cheirinho delicioso de menino.

segunda-feira, dezembro 01, 2008

A festa do teu 4º Aniversário

Mais um aniversário que se celebrou . Amigos e muita alegria.

A festa trouxe alguma surpresas giras, como as priminhas gémeas do Algarve que mais uma vez estiveram connosco neste dia.

Veio o nosso priminho A. que fez um aninho há dois dias e está delicioso.

As primas, os priminhos, o reguila coleguinha idolatrado da escolinha (J.) , uma colega muito reguila também, (R.) fizeram-nos companhia pela primeira vez e deixou o JP muito feliz.

Para além disso, os tios, os avós e alguns amigos vieram dar uma beijoca e torcer muito por nós.
A "Tia A." veio e matámos saudades do M. (que está um matulão e que não pára quieto) e do kiko que é lindo !

Rodeados de tanta força positiva, tanto calor e amizade é tão mais fácil percorrer este caminho...

Tu tiveste o Cão que pediste.
Felizmente o Papá convenceu-te a que fosse de peluche e quando abriste a prenda deliciaste-te.
Já lhe deste mais de mil beijinhos.
O computador do Ruca também fez as tuas delícias.


E a última surpresa foi o bolinho com a cara do PANDA.

Foi mais um dia feliz e para o ano há mais.

Agora venha o Natal.

4 aninhos !!!

Cada dia, cada ano, o amor aumenta.
Este ano os convites foram feitos por uma amiga- A Ana (convite da esquerda com o PANDA Kung-fu), contacto para encomendas -azulinha1981@gmail.com; e o Papá como já é hábito não resistiu a fazer um dele (aqui o debaixo).




O meu filho nasceu num feriado igual ao de hoje.

Chuvoso, mas trouxe o sol ao meu coração.

Parabéns filho !
Que o teu aniversário seja como tu imaginaste !
E que os teus 4 anos tragam muitas , mas muitas novidades e alegrias.