domingo, fevereiro 19, 2012

Os factos de uma nova vida

 As novas rotinas

A maior surpresa é perceber que a família consegue dar um grande contributo para que tudo continue a correr sem alterações. Desde há uns meses que tem sido a madrinha a levar o JP à hipoterapia. Queremos voltar rápido a essa rotina, mas vamos aguardar ainda umas semaninhas. O JP agradece pois adora as manhãs de sábado passada com os tios.  A avó continua a ficar no fim de semana com ele e enche-o de miminhos enquanto os pais recuperam o fôlego.
O pai tem feito o turno "das manhãs difíceis"; a professora e a auxiliar na escola ajudam ao máximo e o próprio JP colaborou e ainda colabora deixando a mamã dormir pequenitas sestas. Infelizmente tem alturas que pede demasiada atenção e não é tão fácil assim.
Por último, o Rafa também tem tido o seu mérito pois é um bebé muito tranquilo.
Não há dúvida que temos muito mais trabalho. Tende a ser muito cansativo, mas as alegrias são também tantas !

Factos

Apesar de saber e de não questionar que o bebés amamentados são mais saudáveis, a verdade é que não me lembro do JP ter ficado alguma vez adoentado antes dos 11 meses (altura que teve varicela) e ele só gostava do biberon (ainda que no 1º mês fosse do meu leite) e desde os 4 meses que passou a  frequentar a piscina. O nosso Rafinha, apesar de amamentado,  já anda com umas secrecções no narizinho e ando atenta. 
Na segunda semana engordou 300 g só com maminha ! 

Amigos

Temos sido muito acarinhados por quase toda a gente. Desde presentes, a mensagens de felicitações e disponibilidade para ajudar... e sabe tão bem !
Infelizmente há sempre algumas pessoas que nos surpreendem e parecem não quererem partilhar os nossos momentos de felicidade e apenas lhes interessam os momentos tristes. Há muito que aprendi a ser muito radical. E torna-se difícil arranjar uma boa desculpa, quando temos outros amigos que até estão em situações verdadeiramente complicadas e mesmo assim, conseguiram mandar um SMS carinhoso. 

Relativizar torna-nos mais felizes

As hormonas pós-parto não me deixaram minimamente deprimida. Como é possível ?
Se eu já conheço os verdadeiros problemas ? Não. Não estou nada deprimida.
Dou graças a Deus por tudo. Continuo no mesmo caminho com o JP, disfruto da infância maravilhosa dos meus dois meninos e resta-me estender as mãos a quem trilha os mesmos ou ainda caminhos mais difíceis.
Claro que tenho e continuo a ter problemas, porque eles não desapareceram, mas estamos cá todos os dias cheios de força para os enfrentar. Ou pelo menos tentamos ter força, na maioria dos dias. E é assim que quero ensinar os meus filhos e verem o mundo.

JP

Continua eufórico pela chegada do mano. Diz muitas vezes que gosta dele. Também diz que gosta de nós (mãe e pai) mais vezes...
Adora os "gatos fedorentos". Procura-os no Youtube e ri-se genuinamente com os sktechs.  Conversa com a madrinha no Skipe; gosta de fazer cópias dos livros infantis que tem em casa. Mais empenhado na escolinha. Quis oferecer uma mala da "hello Kitty" à namorada no dia 14 e ganhou um coração vermelho que leva todas as noites para a cama. Também ganha por vezes alguns desenhos e bilhetinhos com corações de admiradoras.
Nas redondezas já quase todos o conhecem e acarinham por onde passa. Quando vai ao café, brincam com ele e cumprimentam-no com respeito e carinho.

Rafael

Do nosso russinho, ainda temos pouco a dizer, à excepção que é encantador e tranquilo. Ao terceiro dia, já nem chorava com o frio na altura de despir. Mas ainda é muito cedo para concluir. Temos mesmo de aguardar para perceber a sua personalidade. Também nos enche o coração...

O gato

Muito curioso (como todos os gatos) com o Rafael, já percebeu que é "sagrado" e mantém-se vigilante mas à distância. 

Net

Tenho andado com muito pouca hipótese de fazer visitas e ver como andam os amigos, mas quando todas as rotinas estiverem mais definidas volto para visitas e actualizações. A verdade é que a nossa vida parece-me cada vez mais banal e desinteressante aos olhos dos outros, mas para nós é muito bom sinal. Sinal de paz e sossego.

segunda-feira, fevereiro 13, 2012

Tranquilos

O Rafael é um bebé muito tranquilo...
Adoro ficar horas a olhar para ele. Ele é mesmo um sonho de bebé. 
Dorme bem, mama bem. Já foi à pediatra e está tudo 5 estrelas.
O mano JP ainda não teve nenhuma crise de ciúmes. 
Vem da escola sempre com imensas saudades do mano. Parece-me até mais responsável e está a aceitar muito bem esperar pela sua vez. Os pais continuam a dar muitos miminhos mas nem sempre estão tão disponíveis como antes. 
Ele, pelo contrário,  tem surpreendido. Quer partilhar o chocolate ou outras coisas que gosta com o mano. Já lhe expliquei que o mano ainda não come chocolate, mas agrada-me tanto o gesto...
Diz constantemente que gosta dele. E gosta de o abraçar e dar festinhas. É um mano babado.
E por aqui, todos a aproveitar esta fase tão preciosa e que passa tão depressa, principalmente quando se vislumbra no horizonte um regresso muito precoce ao trabalho...esperemos que se concretize.


segunda-feira, fevereiro 06, 2012

Apresento-vos o Rafael

Chegou ao mundo no dia 2-2-2012 pelas 22:52 h. Na noite da quinta feira passada. Ontem regressámos ao nosso lar.

O momento do seu nascimento foi um momento de grande emoção para os papás, como não podia deixar de ser com direito a muitas lágrimas de felicidade. O mano também aguardava em casa com muita expectativa e soltou um grito de alegria quando soube da novidade.
Tal  como o irmão, o Rafael já nasceu com ar vivaço e trocista. Vinha com fome e a chuchar no dedo. Mamou logo e nunca mais parou. É um relógio que bate certinho a cada 3 horas. 
As palavras do JP para o descrever foram: bonito, simpático e parecido com o pai. Anda radiante, adora-o, só quer estar a observa-lo o tempo todo.
O Rafael é um bebé tranquilo até começar a sentir fome. Nessa altura fica refilão. Mais um.
Estamos todos também apaixonados por este bebé. 3140 g e 50 cm de gente...
Agradeço a Deus pelos meus dois filhos maravilhosos.
A todos que nos acompanham e deixam palavras doces desde sempre: Obrigado pelo apoio incondicional.
Estamos felizes.

Adenda: Nunca será demais agradecer à minha GO/Obstetra, Dra Elsa Milheiras, que foi quem tornou possível uma gravidez tranquila e um parto maravilhoso, com recordações inesquecíveis, ao espectacular Dr Paulo Sá e restante equipa da CLISA. Todos se empenharam para que tudo fosse perfeito e conseguiram. Mais uma vez : OBRIGADO. Ficamos eternamente gratos.

quarta-feira, fevereiro 01, 2012

Mais um dia de espera...

Mais um dia, compondo o ninho...

Eu e o JP fomos tirar algumas fotos juntos, para mais tarde recordar e foi muito giro.
Portou-se muito bem. Fui eu quem "estragou" a maioria das fotos, porque fechava os olhos ou outra coisa qualquer...mas o modelito aqui, esteve sempre à vontade e bem disposto ! Sorria na hora certa, olhava para o sítio certo...

Hoje o mau-estar está a intensificar-se.
Quase já não me consigo mexer...quase não consigo comer. Calçar é um esforço descomunal...até a tomar banho me canso.
Não consigo imaginar o tamanho deste "cachopo". Sinto que está mais do que na hora.

Com a vaga de frio, está a chegar o Rafael. :)