terça-feira, maio 29, 2007

A Diferença

Reflicto frequentemente sobre a minha aprendizagem e o meu crescimento como pessoa ao longo desta minha caminhada.
As pessoas diferentes eram para mim uma distante realidade. Uma minoria. Agora a diferença faz parte da minha vida.

No início deste percurso, a paralisia cerebral era um conceito desconhecido e assustador. E como sei, que só se consegue vencer um inimigo conhecendo-o bem, dediquei-me à pesquisa incessante em vários campos, sobre este assunto. Encontrei muita informação que me ajudou a compreender. Sei que não há cura, mas pode trabalhar-se muito e conseguir um nível de autonomia e quase normalidade. Muita gente prefere achar que o JP será um menino sempre com algumas limitações. Eu prefiro não pensar nelas. Pois não somos todos limitados em alguns campos, quer seja no raciocionio, nas nossas relações com os outros, fobias, ou em tantas outras coisas ?

Neste momento, o que realmente é importante para mim, é que ele seja feliz, o mais possível, em cada momento, em cada dia. Também acredito que a sua evolução será tão grande que nenhum sonho será demasiado alto para ele. Mas deixei de traçar metas e objectivos. Trabalhamos e sabemos que os resultados aparecerão. Também posso afirmar que a minha vida não é nem um pouco triste. Muito pelo contrário, é muito feliz.

Espero dar sempre o meu melhor como mãe. Espero prepará-lo para ser uma pessoa forte, optimista e feliz. Como eu tenho, geralmente, sabido ser.

Encontrei no dia-a-dia e também aqui na net, um conjunto de pessoas que nos apoiam. Pessoas que também elas se deixam envolver pela magia da diferença e que sentem a nossa alegria em cada conquista, vibrando e apoiando. Dão-nos ainda mais força. E acho que tenho conseguido mostrar uma realidade diferente, verdadeiramente difícil, mas gratificante...

15 comentários:

GuerreiradaLuz disse...

Amiga. Nota 10 para este post. Lindo, ternurento e sentido. Ainda por cima sabemos que é mesmo assim. Conseguir encontrar a normalidade dentro da diferença é algo que muitos julgam impossível e nós sabemos que além de possível pode ser maravilhoso. E que nos permite aprender e alcançar sentimentos imensos.
Vais ter uma linda caminhada e o JP vai ser o máximo.

Noz Moscada disse...

A diferença dos diferentes é serem diferentes de tudo e aceitarem as diferenças.
Força para ti e para o teu bébé. Continuo a pensar que podias procurar ajuda no yoga para crianças, acredito que te podia ajudar, é só uma sugestão.
beijos e força mãe coragem

Mamã P. disse...

Só posso voltar a dizer que admiro a vossa coragem e força acima de tudo! Um grande beijinho!

sil disse...

Mais uma vez Parabéns pelo blog...
Mais uma vez Parabéns pela tua força...
Bjos
Sil

docinho disse...

É isso que sinto quando te leio... que existe uma realidade diferente pintada com outras cores... que nem tudo é perfeito... mas onde há a perfeição?
Não existe...
Que o teu caminho é mais duro? menos gratificante? menos entusiasmente? NÃO!
Tu apenas percorres um caminho DIFERENTE!

Beijos orgulhosos

mamã coelha disse...

Minha querida,
a felicidade está naquilo que construimos com esforço e mto amor.
Tal como é este cantinho, o vosso dia-a-dia.

Bjocas grandes

mother_24 disse...

Devo confessar que me encontro no principio do teu caminho, pois para mim essas diferenças são-me muito desconhecidas e assustadoras... considero-te uma grnde lutadora, porque tu própria fizeste para ser uma pessoa muito melhor e saber ajudar o teu filhote da melhor maneira possivel... e conseguiste!!

Beijocas grilinha de estimação

paidopedro disse...

gand'a post! beijinhos, minha amiga, muito bem exposto!

lobitas disse...

Tão bom essa força de lutar e vencer do JP FORÇA FORÇA , é asim mesmo....
Realmente a simplicidade das crianças é uma doçura, tudo seria muito mais simples se essa simplicidade de criança assim se mantivesse para todo o sempre, realmente as crianças são a melhor coisinha que há e então as nossas são uns amorzinhos tornan-nos ainda mais sensiveis e a nossa ternura para com elas é infinita.
Realmente a felicidade dos nossos filhos é o que interessa e tenho a certeza que o JP tal como a lobita são muito muito felizes e nos torna realmente felizes.
Beijinhos grandes para todos, da alcateia

AnaG. disse...

A diferença está quando fechamos os olhos às diferenças....

Não é fácil, para os outros, reconhecerem que têm que aceitar.

São exemplos como o teu que irão, concerteza, mudar algumas mentalidades.

Vais conseguir a força necessária para isso.

Beijinhos

Pensamentos Felizes disse...

és um exemplo :)
Adorei este post
beijos
Cris

GE disse...

Tu e o Jp com a vossa força e vontade de vencer são um exemplo a seguir. A diferença só significa um bom exemplo.

Bjinhos

sorrisos da minha alma disse...

És um ser humano lindo!!!
Voltei muito cansada mas mt mt feliz!
Beijos

__Isabel__ disse...

É assim mesmo!!!
É esse o espírito a ter!!!
Força e boa continuação nessa longa caminhada!!!

Beijinhos

Anónimo disse...

Olá "grilinha"!
estava a navegar na net qdo descobri o seu blog... uma visao mt bonita acerca do seu menino e da relaçao q mantêm...
sou terapeuta ocupacional e, por isso, contacto com mts meninos e pais que têm uma história de vida semelhante.
aconselho-a a ver o filme "o meu pé esquerdo", já é antigo mas retrata um pouco da indiferença a que eram e, infelizmente, ainda são sujeitos os meninos diferentes.
Felicidades!
Sílvia