sábado, outubro 28, 2006

Hidroterapia

O meu menino começou muito cedo na piscina. Tinha 4 para 5 meses. No ínicio tinha medo...não só da água, como de tudo.
E foi assim até aos 7 mesinhos...até se ter cruzado na piscina com uma hidroterapeuta, pela qual sentiu uma enorme empatia. Pela primeira vez, descontraíu e divertiu-se a sério, nesta terapia que tem sido um pilar fundamental na sua evolução. Agora, passado um ano de a termos conhecido, sabemos que ele é outro menino...adora tudo que é radical, instabilidade, brincadeira...
Medos???? São coisa do passado.
A vocação da nossa Ritinha é pura, assim como a sua dedicação e ingenuidade. Lamentamos que deixe fazer parte da nossa equipe. Espero que seja muito bem tratada para onde vai...porque lá na nossa piscina, não foi. Não a perderemos de vista e esperamos brevemente voltar a fazer parte da mesma equipa novamente.

14 comentários:

paidopedro disse...

a água faz milagres, não é? o pedro tb anda na piscina desde sempre, não propriamente em hidroterapia, sempre integrou turmas normais de adaptação ao meio aquático, o que tem sido um estímulo poderoso pois tenta imitar o que os outros meninos normais fazem. e consegue quase tudo, à maneira dele e com a minha ajuda, que vou sempre para a piscina com ele. pensa nisso, daqui a algum tempo. as piscinas daqui sempre nos apoiaram e deram a maior força. beijos para ti e para o jp. e já agora, um abraço ao pai do jp, q eu gostava de ver manifestar-se...

nani disse...

Ola,minha querida!E JP!
É tão ruim quando ficamos sem as pessoas que já estamos acustumadas nas terapias!E a água é maravilhosa e milagrosa para as nossas crianças.Que otimo que o JP se sente bem dentro dela.
beijos e um final de semana cheio da paz!
Nani e Gigi.

rutebruno disse...

nem mais, perfeito post.
Equipa que ganha não se mexe, né?
um beijão

Silvia disse...

Um grade beijo então para essa mulher maravilhosa e que encante mais meninos...JOkitas

carla m. disse...

Espero também que consigam voltar a fazer parte da mesma equipa porque parece que ela conquistou o JP e quando isso acontece com quem é nosso, tambem nos conquistam!
Beijos grandes

Mikas disse...

Acho que esta terapia é optima para as crianças. Dá-lhes uma maior liberdade de movimentos e uma maior confiança neles próprios.
Beijinhos **

Maria disse...

Tantos terapeutas bons e com vocação que não são devidamente valorizados. Fala-se na avaliação dos professores pelos pais. E na apreciação devida e justa dos utentes aos seus prestadores de serviços, uns mais qualificados que outros? O lado humano, podemos sempre senti-lo. Boa sorte para a Rita. Boa sorte para o JP com o seu novo(a) interlocutora.

vera disse...

sim, é verdade, a piscina faz milagres. a marianita também anda desde muito cedo por causa da lesão do braço. a princípio também tinha medo mas agora ADORA!!

que pena terem ficado sem a terapeuta que gostavam :(

jocas

Anokax disse...

A piscina faz bem a praticamente tudo!
Adorei o teu cantinho e vou cá voltar mais vezes
Muitas Bjokax e Boa semana

lobitas disse...

Fiquei com a sensação que realmente a hidroterapia, é muito importante, pois fiquei com a ideia que eles tem sensações muito diferentes do que estão habituados e penso que isso faz com que tenham outros estímulos que não tem fora de água, acho que vamos adorar esta terapia, e penso que vai fazer sucesso. Fico animada por saber que esta a fazer muito bem ao JP e que tem surtido efeito e a evolução dele é notória, fico mesmo contente.
Tudo de bom para vocês e muitos bjs da alcateia

Anónimo disse...

É ... é verdade a agua faz milagres .... o meu filho quando começou a piscina foi "meio caminho andado"(como se costuma dizer) para iniciar a marcha... mais equilibrio...
Quando integrou na turma(já sem terapeuta, pois ela achava que ele já tinha atingido oa objectivos) era o menino que já sabia fazer tudo o que a prof. dizia isto com 1 ano e meio ...na agua não têm nada ....é magnifico

Beijinhos

Carla

Grilinha disse...

Carlita, não me queres escrever para o e-mail? Adorava trocar impressões dos nossos meninos contigo. Beijocas

Sorrisos da minha Alma disse...

Ele é um lindo menino e com toda a certeça que quem o acompanha na piscina lhe dá a traquilidade que ele espera receber.
Um beijinho grande

Anónimo disse...

Helena, vi agora o seu post. As lágrimas vieram aos olhos e a tristeza de o deixar invadiu-me. Sabe que lamento e tudo farei para que a situação se resolva o mais rapidamente possivel. Mais uma vez obrigada pelo apoio e amizade. São estes sentimentos (não só vossos como dos outros pais) que me enchem de esperança para lutar contra a injustiça e a falta de caracter de algumas pessoas. Adoro-vos!
Beijinhos da Ana Rita