segunda-feira, janeiro 07, 2008

Sem desistir

Há três anos atrás estava a aprender a ser mãe. O instinto guiou-me. A vontade e o amor fizeram com que quisesse saber como agem as boas mães. Tive de aprender quase tudo. Nem de roupa de bebé eu percebia, muito menos o que eram cólicas, esterilizações e disciplina.
Mas tudo se aprende...com interesse e muita vontade.

Todos os dias me apaixono mais por esta criança adorável, mas ainda mora no meu coração uma grande dor. A dor de não poder ver a sua autonomia. A dor de toda a incerteza. Agarro-me a tudo o que me dá esperança.

Trabalhamos muito, toda a família, como uma verdadeira equipe. Temos como resultado uma criança feliz, com muita vontade e com uma enorme capacidade de trabalho...

Sinto que precisamos mais uma vez de mexer na rotina. Sei que teremos de fazer mais. E seguirei o meu instinto, mais uma vez. Animada e com muito prazer. Porque o meu menino merece TUDO. E porque sei que ele também quer.

15 comentários:

GE disse...

A vossa força é algo de extraordinário!! Juntos vão conseguir vencer todas as barreiras...

Bjinhos

tixa disse...

Se alguém vai conseguir esse alguém és TU, pela força, pelo amor, pelo trabalho o JP dia a dia se torna um menino + independente vais ver.
Estão no bom caminho.
Um bj enorme enorme

Cristina disse...

A união faz a força!!! Os nossos filhos merecem tudo!

Bjos

Cristina

vera disse...

olá

tu és uma Mãe com M bem grande!

continua assim e ele um dia vai-te agradecer por tudo vais ver!

jocas
vera e marianita

Mãe Frenética disse...

TUDO, merece TUDO.
Como tu...

Margarida disse...

Querida, passei só para dizer que vou privatizar o blogue.
Fecho-o amanhã...
Bjs
guidagaito@gmail.com

mother_24 disse...

E eu tenho a certeza que o que tu fizeres será o melhor para o nosso JP

beijocas grilinha de estimação

Vanessa disse...

O facto de ele ter parilisia cerebral não significa que com trabalho ele não possa ter a sua independência.
Lembro-me muito de um antigo colega do meu irmão que andava numa cadeira de rodas, também tinha parilisia cerebral, inclusivé dificuldade na fala e chegou a viajar com amigos para conhecer Roma. Ia a discotecas com os amigos e é uma pessoa muitíssimo FELIZ. Capaz de viver com as suas dificuldades, não as tornando obstáculos.

Acredito que com a vossa força,luta e o vosso amor o JP vai ser muito FELIZ.

Beijinho grande

Maguy disse...

Olá!!!!

Estar Juntos(unidos) é a chave para o sucesso... Sem dúvida.

Beijos grandes
Maguy+Gu+Raul

Anónimo disse...

Olá!
Acredito que irás até ao fim do mundo para lhe dares TUDO
Muitos beijos para voces
Beta & Beatriz

Cristina disse...

Segue o teu instinto sim, com certeza que o melhor para o JP é aquilo que o coração da sua mãe ditar.

beijos
Cristina

MC disse...

Para além de acreditar que o amor move montanhas, ele é, por si só, um alimento substancial do dia-a-dia e da maneira como o vivemos. Como tu própria disseste, o teu filho é uma criança feliz.

Por outro lado, posso imaginar a tua dor com respeito às lacunas na autonomia do JP. Também sou mãe e penso muitas vezes em vocês ... mas se pensares que existem tantas e tantas formas de "não se ser autónomo" e acreditares no poder do vosso esforço conjunto ... uma etapa de cada vez.

Não sei se me expliquei bem, até porque falar é fácil...

Beijinho muito grande!

Maria disse...

Do vosso lado esse grande amor que une a família e a vontade, a enorme vontade, de descobrirem o mundo em conjunto. Quase altura de grandes festejos, um beijinho!

__Isabel__ disse...

Um bom ano 2008 para vocês.
Nada de desânimos!
Força!
Beijinhos

Eliana disse...

Olá, garota. Continue essa sua luta com toda a garra possível. Os resultados aparecerão, coroando de êxito esse empenho. Estamos iniciando um novo ano. Tenho certeza de que muitas novidades acontecerão ao longo dele. Não se esqueça nunca de perceber se seu filho sorri. Eu aposto que ele é muito feliz. Ele tem a vocês! Um ano muuuito tranquilo e com muita paz. Beijos. Eliana.