quinta-feira, setembro 15, 2011

Primeiro dia de aulas- 1º ano !

Por mais anos que passem, vai ser impossível esquecer o dia de hoje.
Ontem o JP adormeceu cedo mas teve um sono agitado. Percebi que se sentia ansioso.
Esta manhã acordou feliz e desejoso de chegar depressa à escola. À escola que ele já conhecia, mas que inicia agora em moldes diferentes. E mais uma vez seguirá o movimento da escola moderna (ainda bem). O único que conheceu até hoje e ao qual está tão habituado.
Abraços e beijinhos das suas queridas coleguinhas, sentou-se e esteve atento e sossegado. Todos os pais saíram pelas 9.30 h. 
Eu tive de ficar com ele. Ainda vai ser assim por 2 ou 3 dias..ou os que tiverem mesmo de ser.
Fez-se um joguinho para que pudessem dizer o nome e o que gostam. Aí uma pequenina discussão entre mim e ele. Ele queria dizer que se chamava JP e que gostava da sua filha (a sua querida boneca). 
Ora, eu não queria fantasias logo no primeiro dia. A professora olhou para nós com um ar surpreendido e perguntou se estava tudo bem. Senti-me embaraçada e decidi que ele devia dizer o que queria. Assim foi. Chegou a altura dele e foi o que disse...
Todos desataram à gargalhada.
Ficou encantado. Acho que era mesmo essa a ideia !!! Que piadolas este miúdo...todos compenetrados a falar tão a sério e lá veio ele quebrar o gelo.
Depois uma cerimónia de padrinhos e afilhados. O JP tem uma madrinha que é de 4º ano e vai zelar pela sua integração na escolinha !
Passaram 4 auxiliares pela sala de aula. Não conseguia perceber quem iria ficar. Grande corropio.
Acabei por saber que será uma auxiliar para de manhã e outra para de tarde. Tão provisórias quanto é possível ser. 
Para dividir entre ele e a outra menina de cadeira de rodas. 
Apesar de simpáticas, nenhuma das duas auxiliares parece saber ligar um computador, e menos ainda um carregador e/ou impressora. Justamente uma das maiores ajudas que o JP necessita porque o resto é dar alimentação e levar à casa de banho. Vamos ver o que acontece a seguir.
Sinto-me ainda muito pouco tranquila sobre este assunto. Ainda me falaram que será difícil arranjar funcionária para o tempo das AECs, mas não entendo porque não pode ter Inglês e música como todos. Não percebo e nem quero perceber.
Às 12 h todos os pais vieram buscar os filhotes.
O JP disse que gostou e que quer voltar amanhã. Eu, como sempre, partilho a sua felicidade...com a habitual apreensão de quem teme pelo futuro.

Se fui de coração pequenino....voltei assim mesmo. 
Ainda vão ter de passar alguns dias até conseguir ficar tranquila mas estou confiante que chegará o dia.

8 comentários:

Costinhas disse...

espero que esse dia chegue bem mais depressa do que imaginas.

beijinho

Grilinha disse...

Espero que sim, querida....que venha bem depressa.
Beijinho.

Mãe(q.b.) ao quadrado disse...

compreendo o que sentes, até tudo estar encarreirado uma mãe nunca fica de coração descansado, eu é com as AEC's achei aquilo uma balda até o conhecerem e saberem quem sou e que só eu o vou buscar não sei se consigo ficar quieta, mas não há-de ser nada!!

jokas

inesn disse...

Um abraço, Helena...GRANDE!!

Helena Barreta disse...

Esse dia vai chegar não tarda nada.

Beijinhos

Juca disse...

:) E cá estou eu a espreitar o dia a dia deste menino lindo e desta super mãe... Ainda bem que tudo correu tranquilamente, vais ver que mais dia menos dia a tranquilidade irá imperar também no teu coração.

Beijinhos grandes

Mãe disse...

Este dia é um dia realmente inesquécivel mas de muitos medos e ansiedades, ver os nossos meninos passarem para uma nova fase das suas vidas.Quando temos filhos especiais os medos aumentam mas temos que ter fé se são especiais para umas coisas tem que ser para outras também como serem mais mimadinhos por todos.
Bjs e Boa sorte

Mina disse...

O JP sabe cativar todos .
Tudo se vai resolver , até as senhoras auxiliares aprenderem a lidar com o computador:-)
Os primeiros dias são sempre de adpatação e alguma apreensão natural das novidades...
bjocas