quinta-feira, março 21, 2013

Furacão Rafael

Não sei se já existiu um com um nome assim, mas aqui no Seixal, passa todas as manhãs. 

Quando nasceu temia que fosse muito chorão e pudesse destabilizar as nossas rotinas. 
Mas não. Era um autêntico anjo. Ria imenso e pouco chorava. Tudo se conciliava com um bebé assim.
Agora com 1 ano, é um autêntico furacão. Mexe em tudo. Chora e berra se for contrariado. E se estiver a vestir o mano e não lhe der a atençãozinha....
Esta manhã, enquanto dava banho ao JP, o Rafael ia espalhando batatas e cebolas pela casa toda. 
Quando não é o papel higiénico...o mano mais velho ri-se que nem um perdido.

Quando finalmente entrego os 2 e me sento para começar a trabalhar (e o trabalho é duro), quase parece que me sentei para descansar :) Ufa !

2 comentários:

Helena Barreta disse...

Vai ver que com a idade esse "furacão" vai perdendo intensidade e se transforma numa boa brisa.

um beijinho

Anónimo disse...

Estás feita ao bife! hehehe. beijinhos

Joana (Porto)