quinta-feira, maio 04, 2006

Só para Contrariar

Nos dias que vou à Fisioterapia com o JP fico um pouco virada do avesso. Umas vezes porque ele chora, outras porque a fisioterapeuta deixa escapar umas "deixas" que me arrasam...Uma foi (no entender dela estava a ser muito positiva): "O teu filho tem uma cabeça óptima. Vai funcionar perfeitamente com um computador!"
Outra foi hoje: "O teu filho é um caso grave. Mas como tem muito boa cabeça vai conseguir fazer muitas coisas."
Isto é positivo ou negativo??? Fiquei a saber que poderá evoluir graças à força de vontade dele, mas também fiquei a saber que o caso é grave... mas acho estranho que seja grave quando a maioria das pessoas não nota, mesmo pessoas ligadas ao meio hospitalar...

Bem, mas como gosto de contrariar e pelos vistos o JP também, vamos lá mostrar à malta que não estamos assim tão mal!!!!
Depois, chego ao trabalho e vou visitar a minha amiga e encontro lá duas histórias lindas. Animei-me. Obrigada por proferirem palavrinhas tão lindas.

Para mim os problemas existem para ser resolvidos. Tenho uma profissão que me obriga a estar todo o dia a resolver problemas. O problema do JP não se cura nem se resolve. Mas vai-se resolvendo, graças a uma coisa maravilhosa que temos chamada Neuroplasticidade. É possível que outras zonas do cérebro possam assumir funções perdidas devido a lesões ou à P.C. E por isso o JP vai evoluir. Mas tudo isto é demorado e exige muita paciência. Mas quem ama tem muita...

4 comentários:

Mãezana disse...

São lindas sim senhor as historias que eu tb já li!!!
Um beijo grande e já sabes o meu conselho..não te deixes ir abaixo!
Obrigada pelas visitas...BJ Grande para os 2!

alexandrachumbo disse...

tens um desafio no meu blog:)

rutebruno disse...

ora nem mais!!!!
sabes tanto sobre neuroplasticidade, que te ajuda a perceber o que a fisioterapeuta de disse, pode ser um caso grave, com a sua gravidade, mas tem todas as hipoteses de ir evoluindo e superar aquilo que é grave, por isso dizes quem nem se nota quem não sabe.
entendes?
conversa de fisioterapeuta, dirás....

Grilinha disse...

Eu sou adepta de que o trabalho dá sempre frutos. O meu JP tem trabalhado bastante e desde muito cedo. Já estamos a colher frutos e acredito que vamos colher muitos mais. Obrigado pelas palavrinhas amigas.