sexta-feira, março 19, 2010

Má educação ? Bullying-o que o causa ?

A necessidade de ser mau e agredir ou intimidar colegas está longe da minha compreensão. Nunca tive tal comportamento, nem me imaginaria a ter. Não quer dizer isto que tenha sido a menina mais ordeira nas aulas, mas nunca me passou pela cabeça intimidar colegas e menos ainda professores. Na minha escola primária, havia umas meninas ciganas que por vezes me ameaçavam de bater lá fora....era razão mais do que suficiente para não ter vontade de manhã de me levantar e ir para a escola. Bullying sempre existiu. Talvez agora se tenha agravado. Qual exactamente o erro na educação ? Mais tarde podia tê-lo feito pois por volta do 2ª ano do preparatório. Afinal eu era a "gigante" da turma. Sempre a mais alta. Não tinha medo nenhum dos rapazes e se me viessem "aborrecer", fazia-lhes frente. Mas sem guerras ou violência. Perfeita e normal resolução de conflitos que ainda hoje me acompanham e irão acompanhar toda a vida.
O que faz uma criança ter este comportamento ? Que descuido na educação ocorre ? Que a faz mostrar necessidade de querer parecer "mais forte, mais temível" ?
Não vejo nada disso no colégio do JP, por isso enfrentar o ensino público faz-me tremer de medo depois de ler este caso. A minha revolta e solidariedade com esta mãe que adoptou um menino diferente é tão grande que não só me perturbou no íntimo, como a vontade que tenho é de ir para a luta com ela.
Vou ler mais sobre este assunto. Vou tentar perceber.

Será que não permitimos às crianças de hoje frustrações suficientes ? Temos de dizer mais vezes NÃO ? Onde se anda a errar ?
Aquilo que vejo diariamente são meninos criados com muito amor, com muitos cuidados. Meninos e meninas a quem os pais dedicam algum tempo e lêem uma história à noite, escolhem com amor uma roupa bonita, levam ao teatro e aos parques de diversões. Meninos criados com amor.
Será esta a realidade de todos ou ando alienada ?
Os menino/as que praticam bullying são estes que também vejo todos os dias (duvido... )? Ou são meninos a quem faltou regras e amor ? Confesso que não entendo este assunto, mas vou tentar perceber. Só vos digo que tenho medo....muito. E é de ter, mesmo tendo meninos "normais"....Esta sociedade está a ficar estranha. É por isso que nos sentimos protegidos no particular. Porque aí alguém tem de se interessar, tem de dar resposta.
Quando vamos para o público, temos de recorrer à DREL, à televisão...
Fiquei sem sono esta noite. Escrevo isto pelas 5 da manhã... Mãe sofre....

Adenda depois do comentário da Mina: Este post é muito interessante. Obrigado por ajudares a ver um caminho...

3 comentários:

Mina disse...

Descansa rapariga...O que tiver de ser será...
Todas as atitudes fora de norma não têm apenas uma causa, será um conjunto de factores que faz com que alguém se queira evendenciar pelo lado negativo.
Há que saber lidar com eles li aqui algo muito interessante:http://gritodemudanca.blogspot.com/2010/03/o-poder-da-relacao.html
Na minha experiência o Bruno também foi vitima de "abusos", por parte dos colegas, como eles são muito bem mandados, aproveitam-se desse facto para o pôr a fazer os disparetes O "palhaço" da turma e da escola. O que eu sempre tentei, foi realmente "negociar" com esses mais complicados, em tentar valorizar o lado bom deles.
Violência gera violência, li o testemunho do tesourinho, com eles temos de ter o dobro da atenção,por isso é que me tornei tão inquiridora...
bjocas

Grilinha disse...

Fui espreitar Mina:

Vale a pena ler

http://gritodemudanca.blogspot.com/2010/03/o-poder-da-relacao.html

Paulinha disse...

É um blog que sigo e que também recomendo a muita gente!

Temos que tomar atitudes!