quarta-feira, março 03, 2010

Tenho um poema no coração

Escrita pelos nossos amigos do Cantinho dos Amigos, sobre o meu JP.
Se não estou em engano para além da melodia, a letra também é da autoria do Prof. de Música - o Professor Nuno que adora fazer corridas com a cadeira do meu filhote. Escusado será dizer que ele delira !
Na verdade só conheço a letra. E ando doida por ouvir a música...
Ponho aqui apenas um excerto, que por mais que leia faz-me sempre vir as lágrimas aos olhos....

"Quis a história, que este herói fosse diferente
E o seu sorriso conquistasse toda a gente"

Toda a letra é linda, quanto mais leio, mais me toca. Mais me orgulho dos amigos que o meu filho fez e faz. As lágrimas bailam aqui....mas são lágrimas de emoções muito boas. Obrigado meu filho por me fazeres tão orgulhosa de ti. Obrigado ao Cantinho. Nunca me tinha sentido tão acarinhada...

Nota: A letra tem direitos de autor.

7 comentários:

Maria disse...

VIVA...JP.

Muitos beijinhos a todos vós

ClaudiaMG disse...

Sem palavras mesmo...é mesmo um lindo gesto.

Beijinhos grandes

Vanda disse...

Eu estou a "pressionar" o meu Gonçalo para a cantar vezes sem conta...quero sabê-la para tb eu cantá-la. O gesto é nobre, a equipa que o está a realizar fantástica. Deduzo que este ano, seja cheio de emoções! Boa sorte!!!

Mina disse...

Não consegui ver o poema.
Só esta estrófe,mas só ela já demonstra o carinho e amizade que vocês conquistaram, não só o JP, mas também a mãe e pai que estará mais recolhido, mas também a dar o seu melhor... Cada um tem aquilo que merece né?!...
Bjocas

Anónimo disse...

Parabéns ao JP e aos amigos que conquistou. Os afectos e os amigos, são de facto, valiosos.

Só os amigos de verdade para vos brindarem com tamanho gesto, lindo.

Um beijinho

Helena

Avessa disse...

Tão bom, tão bom ouvirmos palavras de carinho sobre os nossos filhos, faz-nos sentir tão especiais...Vocês merecem!
Beijinhos

Leoinha disse...

Oi Grilinha!

Esta semana nas turmas do 1 ano tambám aprenderam uma musica que a minha filha diz que era dedicada ao JP (Não sei se percebeu bem, ou se confundiu com a essa que dizes -que lhe perguntei agora e ela diz que aprenderam e chama-se super heroi), a outra eles cantaram no polivlente é de João Portugal e é sobre a exclusão devido à diferença, vou por aqui um bocadito:

"vou-vos contar uma história
de um pequeno trevo
que nasceu diferente
em vez de 3 folhas tinha 4
e um coração carente
...

Mas um dia passou um menino
E abraçou o trvo com paixão
Há certos gestos que não têm preço
Dar a mão.

Somos iguais, diferentes
Não nos interessa o aspecto
Queremos que o mundo inteiro
Dê ao trevo muito afecto"

Com a música também se aprendem valores ;)